Renan Dal Zotto

Brasileiro, Gaúcho de São Leopoldo, defendeu a seleção brasileira de voleibol por 13 anos. Neste período participou de várias competições entre elas três Olimpíadas, três Mundiais e três Pan-americanos.


Criador do saque “Viagem ao fundo do mar”, participou efetivamente da popularização do voleibol no País com a chamada “Geração de Prata” que conquistou as medalhas de prata no mundial da Argentina em 82 e nas olimpíadas de Los Angeles em 84.


Com uma técnica apurada foi bi-campeão nos Mundialitos de 82 e 83, ganhou medalhas de ouro, prata e bronze nos Pan-Americanos de 89, 93 e 97; Eleito melhor defesa do mundo em 81, melhor atacante e melhor jogador do mundo em 85, além do título de jogador de vôlei do século XX do Brasil em 2001.


Fez história no voleibol mundial atuando em clubes, onde destaca-se sua participação no Maxicono de Parma, na Itália, onde foi bi-campeão italiano em 90 e 92, campeão mundial de clubes, 5 vezes campeão europeu entre outros títulos conquistados (total de 11).


Após encerrar sua carreira nas quadras, estreou como técnico em 93 no Palmeiras, foi para o Chapecó em 95 e treinou o Olímpikus de 97 a 99. Foi bi-campeão sul-americano, campeão da Copa CBV, da Copa Brasil, dos Campeonatos Carioca, Catarinense e Mineiro e duas vezes vice-campeão da Superliga Masculina.


Em 1998 iniciou uma nova carreira na gestão de projeto de esportes, através da universidade do sul de Santa Catarina- UNISUL  e conquistou vários títulos, como 5 campeonatos estaduais, 4 jogos abertos, grand prix de vôlei, torneio intercontinental na Argentina entre outros. Foi duas vezes vice-campeão, duas vezes 3º lugar e campeão da Superliga Nacional na temporada 2003/2004. Paralelamente foi comentarista da Rede Globo em diversos campeonatos internacionais de voleibol.


Em janeiro de 2003, qualificou-se como Diretor Nacional de Cursos do Programa de Administração Esportiva do Comitê Olímpico Internacional.


Em 2005 iniciou um projeto ambicioso com o Grupo Cimed e, além da gestão esportiva, voltou às quadras com técnico dirigindo o CIMED Esporte Clube e fez uma extraordinária campanha, conquistando 2 vice-colocações e 4 medalhas do ouro, dos 6 campeonatos participados, sendo o mais importante a Superliga de voleibol masculina em apenas 10 meses.


Em 2007 retornou à Itália para dirigir o time da Sisley, da cidade de Treviso, onde foi campeão da Supercoppa Européia e retornou para o Brasil a convite da indústria de medicamentos Cimed em janeiro de 2009, desta vez como diretor de marketing.


Atualmente, é diretor de marketing e operações esportivas do Figueirense Futebol Clube, de Florianópolis, coordenador de marketing esportivo da Cimed e ministra palestras no Brasil e no exterior.


A palestra

Com uma carreira brilhante no esporte como atleta, técnico e dirigente, em seus mais de 35 anos de experiência no mundo esportivo, Renan Dal Zotto passa um pouco de seu aprendizado dentro das quadras para ambientes como a sua empresa, universidade, clube ou instituição.


Isso porque, tanto no esporte como na vida empresarial, os ambientes mantêm muitas semelhanças. É preciso estratégia, disciplina, mentalidade vencedora, motivação e, fundamentalmente, espírito de equipe para se atingir os objetivos.


Sua palestra “Ninguém é Campeão por Acaso” tem a duração de 75 minutos repletos de emoção e realização



<< voltar

www.arenasports.com.br - Todos os direitos reservados.
© Copyright 2011 - Design por Arena Sports®
Av São Gabriel 201 Cj 305 - Itaim - São Paulo - SP - Tel (11) 3071-1657